24 junho 2002

Curiosidade curiosa Antes de a expressão "pão duro" nascer, no início do século XX, andava pelas ruas do Rio de Janeiro um mendigo que ganhou este apelido porque sempre pedia qualquer coisa para comer, até mesmo um pedaço de pão duro. Quando morreu, ainda pedinte, descobriram que ele na verdade era rico: à custa da caridade alheia tinha juntado uma pequena fortuna com contas em bancos, imóveis no subúrbio e tudo mais. Desde então, qualquer sujeito sovina é chamado de Pão Duro. A história está no livro "A Casa da Mãe Joana", de Reinaldo Pimenta, que explica a origem de várias palavras e expressões. Cool...

***

Estão dizendo que isso aqui saiu num jornal português.
"O meia da seleção portuguesa de futebol, João Pinto, está sendo considerado o maior culpado pela derrota e desclassificação do time, perante a equipe da Coréia do Sul, por ter sido expulso do jogo ainda no primeiro tempo, após entrada violenta no coreano Park Ji-sung.
O Pinto entrou duro, no meio das pernas do adversário. O juiz da partida, o argentino Angel Sanchez, não teve dúvidas e pôs o Pinto para fora na mesma hora.
Segundo os próprios companheiros de equipe, o Pinto estava com os nervos à flor da pele.
"O problema do Pinto é quando o sangue sobe na cabeça!" - declarou o amigo Figo - "Mas no fundo ele é muito gozador!"
Já o técnico Antonio Oliveira ficou irritado com seu jogador: "O Pinto é muito cabeçudo! Mandei ele ficar enfiado atrás dos zagueiros adversários!"
Jogador polêmico, Pinto é considerado por muitos como muito bom de cabeça, porém parte da imprensa portuguesa afirma que o Pinto só serve para cruzar."

É, quando o pinto entra a galera faz Uúúuúú

***

Questã: por que eles colocam bóias embaixo dos assentos dos aviões em vez de pára-quedas?

***
Millady, do eu e meus botões, gostou do Eu hein. Valeus. Linka lá que eu linko ká, ó pá.

E o Kibe Loco, um dos blogs mais criativos e engraçados que eu já li, linkou nóis. Aliás, o kibe ganhou na semana passada o concurso Blog da Semana do Universo Teen. Ê kibe bão!

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home