02 janeiro 2003



Chegou a hora da mudança, Brasil: o caminhão baú da Granero já está na porta

Agamenor faz a cobertura da posse de Lula

Quando meu editor me chamou para participar da cobertura da posse do Lula eu fiquei louco para cobrir. Cobrir meu chefe de porrada! Refeito do susto, percebi que, com aquela aglomeração toda em Brasília, ia ser muito fácil bater a carteira de alguém por ali. E não existe lugar melhor para bater a carteira do povo do que em Brasília! Distribuição de renda é isso aí! Não dei muita sorte. A primeira vítima, ao sentir minha mão, pulou no pescoço de Lula, mas foi levado por seguranças.


Só Agamenor ouviu o comentário
de Lula na entrega da faixa



Lula foi recebido pelos canhões da alvorada: Benedita, Marina Silva e Esthér Grossi, o louro José - os verdadeiros dragões da independência. O presidente chegou ao palácio do planalto prometendo reformas. Reforma na cozinha, na sala e no quarto. Operário adora uma reforma! Hora da foto oficial. Lula escolheu os ministros a dedo e, por isso, faltou um.


Agamenor atrapalha o trabalho dos fotógrafos

O ex-presidente FHC apareceu com o o maior marco do seu governo. O Marco Maciel! No dia seguinte, Lula recebeu o presidente da Venezuela Hugo Chavez, o Chapolim.



Lula e Chavez: grevistas
não contavam com nossa astúcia



Voltei para a casa triste: apesar de o PT ser contra a fome, não comi ninguém.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home